Lesão causada pela ação acumulativa da radiação solar sobre áreas de pele expostas ao sol de forma prolongada e repetida ao longo da vida, provocando alterações nos melanócitos (células da pele responsáveis pela pigmentação).

A leucodermia gutata caracteriza-se por manchas brancas, pequenas, de 1 a 5 mm de tamanho, arredondadas ou poligonais, que atingem os braços e as pernas nas áreas de exposição ao sol.

A prevenção consiste no uso de fotoprotetores sempre que se expor a pele ao sol, de modo a evitar mais dano solar à pele e o surgimento de novas lesões.

As lesões podem ser tratadas com o uso da criocirurgia com nitrogênio líquido, e aplicações de lasers.