Plásticas

São procedimentos desenvolvidos com o propósito de solucionar questões relativas à saúde íntima da mulher, trazendo melhora na saúde física e emocional.

Não se trata de mera vaidade, é o desejo de se sentir bem com o corpo, o que vai melhorar muito a autoestima.

Ninfoplastia

É a plástica dos pequenos lábios, indicada quando há aumento desproporcional dos pequenos lábios (hipertrofias), diferença de tamanho entre os lábios (assimetria) ou que causem desconforto com roupas íntimas e/ou no ato sexual.

Como fazemos: Utilizamos a tecnologia de alta frequência ou do laser, que nos permite realizar esse procedimento com menor risco de sangramento, menos dor e retorno rápido às atividades do dia a dia.

O procedimento, além de simples, rápido e eficaz, pode ser associado a outros tratamentos estéticos.

Plástica do Capuz do Clítoris

Assim como nos pequenos lábios vaginais, também pode haver um aumento de volume da pele que recobre o clitóris (capuz ou prepúcio do clitóris). Também muito comum, esse aumento em mulheres que usam hormônios à base de testosterona. A plástica retira o excesso de pele para reduzir o volume.

A presença do aumento do prepúcio na área pode atrapalhar o estímulo da glande clitoriana, dificultando o orgasmo clitoriano.

Como fazemos: Utilizamos a mesma tecnologia de alta frequência e do laser para resolver esse problema. Também com retorno rápido às atividades e relações sexuais.

Plástica dos Grandes Lábios Vaginais

A perda da gordura dos grandes lábios é uma das alterações mais aparentes observada pelas mulheres em sua genitália, principalmente quando estão no climatério e depois, na menopausa. Indicado nas anormalidades dos grandes lábios vaginais, como aumento de volume e flacidez.

A vulva torna-se mais flácida e com aparência de “murcha”. Isso ocorre por causa da diminuição de gordura subcutânea na área. Com isso, ocorre uma projeção dos pequenos lábios, o que faz parecer que estão maiores.

A labioplastia é indicada nesses casos. O procedimento pode ser cirúrgico, para a retirada do excesso de pele ou de gordura local, ou a colocação de implantes para aumento de volume, no caso de flacidez. Usamos ácido hialurônico, substância que não causa alergia ou rejeição. Restabelecimento também rápido. Preenchimento 1 semana.

Perineoplastia

O relaxamento anormal da vagina e dos ligamentos pélvicos pode gerar a sensação de perda da sensibilidade; alargamento do canal vaginal e dor no ato sexual (dispareunia), causando dificuldade de prazer e orgasmo, além da perda involuntária de urina (incontinência).

Pacientes menopausadas, climatéricas e/ou que tiveram vários partos normais apresentam o relaxamento excessivo da vagina, e estão propensas a apresentar essas alterações acompanhadas de queda do útero, bexiga e/ou reto.

Pode ser necessário reconstituir a musculatura perineal e o aspecto da genitália externa.

Nossa proposta é não só realizar a plástica vaginal e perineal, mas associar a um trabalho de harmonização e rejuvenescimento genital.

Himenoplastia

É o nome que se dá para alguns tipos de intervenções cirúrgicas realizadas no hímen (membrana que protege o introito vaginal antes da primeira relação sexual). Pode ser reconstrutiva, em caso de lacerações parciais ou completas; ou para tratamento de hímen imperfurado e vaginismo, por persistência do hímen. É simples e quase indolor, com sedação local e recuperação rápida, podendo retornar às atividades sexuais em duas semanas.

Laser Íntimo

É uma inovadora terapia, NÃO INVASIVA, MUITO REALIZADA na Europa e nos Estados Unidos, que atua no rejuvenescimento da mucosa vaginal, recuperando sua elasticidade, espessura e umidade.

É um tratamento que causa efeitos térmicos no tecido vaginal, estimulando e causando um aumento da neovascularização do tecido conjuntivo e, por consequência, uma síntese de novas fibras de colágeno e elastina, o que aumenta o turgor vaginal (tônus).

O procedimento de laser íntimo não necessita de nenhum tipo de preparo prévio para sua realização. Apenas ter seu preventivo em dia e o parecer ginecológico para o procedimento. Os cuidados posteriores não são necessários, uma vez que após o procedimento poderá retornar suas atividades no dia seguinte.

São necessárias para atrofia vaginal de uma a 3 sessões, no máximo. Depois, uma sessão apenas anual para manutenção.

Peeling da Região Íntima

São realizados em locais onde não tem mucosa, como virilha, monte de vênus, parte exterior dos grandes lábios, parte interna das coxas e área perianal. Os ácidos aplicados na pele agem de maneiras diferentes: descamação, melhora das manchas, escurecimento da pele, estimula o colágeno, o que dá firmeza para a região.

Pode ser feito com o peeling químico e também por laser.